Segunda, 19 Abril 2021 19:27

ATRAÇÃO

Escrito por
Avalie este item
(6 votos)

ATRAÇÃO

“Pois, por causa do que ocorrera com ele, muitos estavam se afastando e crendo em Jesus.” (Jo 12.11)

 

Dentre os doze discípulos de Cristo João foi quem mais escreveu. É de sua autoria três cartas a destinatários diferentes, o livro de Apocalipse quando esteve deportado na ilha de Patmos e também o quarto evangelho, aliás, no evangelho João escreveu para que todos cressem que Jesus era o Cristo, o filho de Deus e crendo nele, tivessem vida pelo nome de Jesus ( Jo.20.30-31). João era irmão de Tiago e ambos tinham um temperamento forte e explosivo, inclusive Jesus os chamou de “filhos do trovão” (Mc 3.23). Entretanto, durante o discipulado com Jesus, ele teve seu comportamento moldado de tal forma que escreveu uma carta abordando justamente o nobre sentimento do amor e por isso é chamado por muitos como o apóstolo do amor.

Contextualizando a passagem, veja que no capítulo onze do evangelho de João que Jesus ressuscitou um homem de nome Lázaro. Consta na narrativa que ele estava sepultado há quatro dias, cheirava mal e ainda assim, Jesus o chamou pelo nome e aquele morto reviveu e na presença de muita gente ele saiu andando do túmulo (Jo 11.1-44). Pouco tempo depois ambos se encontraram  num evento na cidade de Betânia (Jo 12.1-11).

Uma das características de muitos pais é fazer com que seus filhos se mirem em bons exemplos, de forma que quando adultos possam exercer boas e lucrativas atividades e assim ter uma vida mais tranquila. Neste sentido uns levam seus filhos para conhecer esportistas de renome, outros levam seus filhos para assistir palestras de autoridades e/ou famosos e tem aqueles que tentam influenciar os filhos a seguirem suas próprias profissões. Nada de errado nisso, até  porque essas práticas podem mesmo dar certo. Pense!

Perceba que o milagre da ressurreição de Lázaro foi para aquela época e para os dias atuais, algo assombroso. Mesmo para os dias de hoje com tantas tecnologias no campo da medicina, a ressureição de alguém morto há dias é algo impossível. Quando muito, se ouve notícias sobre ressuscitações por meio de massagens cardíacas e mesmo assim dentro de um curto espaço de tempo, mas nada se compara ao que Jesus fez na vida deste homem. Sepultado há quatro dias e mesmo assim foi ressuscitado. Reflita!

Após receber o milagre, Lázaro veio a encontrar com Jesus num evento na casa de suas irmãs e para lá foram muitas pessoas e elas foram com duas finalidades bem distintas. A primeira, é lógico, era estar com Jesus, autor de curas, milagres, libertações e tantos milagres que o mesmo João disse que se fosse possível registrar, não haveriam livros suficientes (Jo 21.24). Mas a segunda finalidade era ver Lázaro, o morto que reviveu, era ver o que era defunto e que agora estava vivo. Em termos modernos, se Jesus era uma celebridade, agora momentaneamente Lázaro também era.

Compreenda bem que Deus tem feito maravilhas na vida de muita gente, tem curado, tem sarado corações, tem realizado transformações, aliás, para muitos que eram escravos de satanás, Jesus trouxe a liberdade, para muitos que eram dominados pelos vícios, Cristo resgatou para uma nova vida e para tantos que se viam abandonados   pelos amigos e até mesmo familiares, saiba que Jesus é aquele que deu valor e mostrou que os desprezados são importantes em seu reino.

Neste contexto, assim como Lázaro se tornou uma mensagem ambulante do poder e da graça de Deus e atraiu adultos e jovens para Jesus, entenda perfeitamente que hoje, muita gente se tornou a mensagem transformadora de Jesus, muita gente tem atraído pessoas á Cristo justamente por meio do que ELE fez em suas vidas. Assim, hoje  os amigos, vizinhos, colegas e familiares podem mirar naqueles que receberam uma benção ou um milagre e desta forma receberem Cristo em seus corações. Atente que todos viam Lázaro vivo conversando com as pessoas e não mais enxergavam aquele que era defunto. Ou seja, por meio da graça de Deus, Lázaro atraía as pessoas á Cristo, portanto,  você atrai as pessoas pelo que é hoje e não pelo que foi no passado. Creia nisso!

E bem provável que Lázaro arrastou muita gente do judaísmo para o Cristianismo, livrando-os da religiosidade, do jugo e da opressão que tanto afligia as pessoas daquela época e hoje, aqueles que foram curados, sarados, mudados e transformados física e espiritualmente também são instrumentos e ferramentas úteis para livrar homens e mulheres das drogas, da perdição, dos vícios e da opressão diabólica. Reflita!

Encerrando, saiba que  por meio das bênçãos que Deus concede ao homem há um propósito, uma finalidade que é atrair (feito um ímã) as pessoas à Cristo e de forma contrária, por meio de  comportamentos e atitudes nada cristãs no meio em que vive, o homem pode também afastar muitos de virem conhecer Cristo. Portador de milagre é testemunho vivo da glória e do poder de Deus, carregue isso! Amém?

Jesus Cristo  Filho de Deus os abençoe, sempre!

 

Milton Marques de Oliveira - Pr

 

 

 

Ler 424 vezes Última modificação em Sábado, 24 Abril 2021 09:40
Mais nesta categoria: « APATIA AUTOSSUFICIÊNCIA »

PUBLICIDADE