Terça, 06 Março 2018 13:50

ALINHAMENTO

Escrito por
Avalie este item
(5 votos)

ALINHAMENTO

“Porquanto prometi tirar-vos da opressão do Egito e conduzir-vos à terra dos cananeus, dos hititas, dos amorreus, dos ferezeus, dos heveus e dos jebuseus, terra onde mana leite e mel.”  (Ex 3.17)

 

O livro de Êxodo foi escrito por Moisés e narra a saída do povo hebreu do Egito para Canaã. Apresenta também o registro de muitas experiências sobrenaturais, desde o arbusto que pegava fogo e não se consumia perante Moisés, aos decretos de Deus contra Faraó, a travessia do mar vermelho e obviamente os livramentos que Deus providenciou ao povo hebreu na caminhada pelo deserto. Enfim, Êxodo é um livro que narra em todas as suas páginas que Deus é mesmo um Deus de providência.

Quase que sem exceções, todos os crentes em Jesus Cristo receberam alguma promessa divina em sua vida. Sempre se escuta algo a respeito das promessas de Deus e elas são bem diversificadas no meio cristão, passando pela mulher que será mãe, pela conclusão de um curso superior, pela oportunidade de trabalho, pela restauração do casamento ou pela volta à presença de Deus do filho ou filha, dentre centenas de milhares de outras promessas. Saiba que pela misericórdia de Deus, pode-se afirmar que todas elas são perfeitamente possíveis de serem contempladas. Creia nisso!

Moisés foi comissionado por Deus para conduzir o povo de Israel que era escravo no Egito para as terras de Canaã (Ex 5.1-3). Todos eles, homens, mulheres e crianças receberam a promessa de Deus que iriam para uma terra onde seriam livres. Teriam a liberdade de plantar e colher em suas próprias terras, além disso, teriam plenas condições de criarem seus filhos e a liberdade de cultuar a Deus. Entenda que Deus liberou uma palavra para todos os hebreus que eles sairiam da condição de escravos para pessoas livres. Reflita sobre essa promessa de liberdade!

A narrativa de Moisés mostra que a caminhada pelo deserto não foi das mais fáceis. Eram muitas pessoas e pode-se conjeturar que a logística para sustentar todos eles tinha mesmo a mão do Senhor. Debaixo da palavra e da promessa de Deus, perceba que a transição de escravos para livres estava tomando forma. Mesmo com intensas murmurações dos hebreus, Deus em nenhum momento voltou atrás em sua promessa e naquela caminhada, o Senhor providenciou alimento e água para todos, inclusive aos animais.

Compreenda que Deus tem cumprido aquilo que promete. É fácil perceber que muitas pessoas têm recebidos suas bênçãos, e grandes milagres são contados e testemunhados diariamente. Na carta aos Hebreus, ao autor deixa claro que Deus não mudou em sua essência de misericórdia, de amor e de fidelidade, ou seja, para Deus a palavra é sim e não, Deus não fica na dúvida ou no talvez, aliás, essas duas palavras não constam no vocabulário dele (Hb 13.8). Se pelo lado divino Deus tem realizado sua parte, compreenda que nem sempre há reciprocidade pelo lado do homem.  Este é um grande problema, o homem não cumpre sua parte. Reflita isso!

O povo hebreu caminhava na direção correta e chegou o momento em que Deus determinou a Moisés que mandasse um grupo de homens para espiar Canaã. Eles voltaram reconhecendo que a terra era mesma excelente, tanto que até trouxeram frutos para comprovar. Mas dentre os homens que foram espiar Canaã, alguns entenderam que a promessa de Deus não se cumpriria, tendo em vista a presença naquelas terras de cidades muito bem guarnecidas e de homens altos e fortes (Nm 13.26-32).

Lembre-se que eles tinham saído debaixo de uma promessa, mas não confiaram no Deus da promessa. Desviaram os olhos da palavra de Deus e colocaram os olhos nas dificuldades e nos problemas. O resto da história é conhecido. Somente entraram em Canaã, aqueles que estavam alinhados com a palavra de Deus, porquanto os demais enxergaram mais as dificuldades e assim não foram contemplados com a realização e materialização daquilo que Deus havia falado quando saíram do Egito. Sem enxergarem a promessa, eles morreram no deserto! Hoje acontece a mesma coisa, muitos não recebem suas bênçãos porque veem que as dificuldades são maiores que as promessas!

Um dos atributos de Deus é justamente a imutabilidade, ou seja, Deus não muda de opinião e não volta atrás naquilo que prometeu. Ele mantém seu compromisso, mas somente com aqueles que permanecem alinhados na promessa (Nm 23.19; Dt 7.9). Se para muitos a promessa ainda não se cumpriu é oportunidade de rever seu posicionamento, de realinhar sua postura e perfilar diante de Deus, confiando naquele que prometeu. Deus é fiel para cumprir, creia nisso!

Jesus Cristo Filho de Deus os abençoe, sempre!

 

Milton Marques de Oliveira - Pr

Ler 299 vezes Última modificação em Terça, 06 Março 2018 14:26
Mais nesta categoria: « CONVITE SOCORRO »

Comentários   

+1 # SINVALDO Novais 08-03-2018 08:39
Verdade pastor a nossa posição diante de Deus e primordial para receber a nossa bênção.
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

PUBLICIDADE